Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Já vos disse o quanto adoro a colecção de livros dos Diários da Princesa? Então, era óbvio que, mal o último livro, o 11º, depois de tantos anos após o 10º, saísse (e fosse pirateado, vá), eu o iria ler... não - era óbvio que o iria DEVORAR! Já saiu no mês passado, mas entretanto fui-me esquecendo de publicar aqui a minha opinião sobre ele.

Pronto, pronto, pronto. Emoções literárias à parte, não existe nenhuma fotografia do livro, como as de sempre, porque li o The Princess Diaries XI - Royal Wedding no tablet (seria incapaz de esperar para aí um mês até que ele chegasse fisicamente a Portugal, além de que, nesta altura do campeonato, quanto menos dinheiro eu gastar em livros, melhor).

 

 

Passemos à minha opinião meeeega apaixonada sobre mais um diário da princesa Mia que me apaixonou tanto ou ainda mais que todos os anteriores!

 

Alguma vez poderíamos pedir melhor colecção "Young Adult" do que os Diários da Princesa (vá, e Harry Potter)? Sou fã há anos, leio todos os livros avidamente e este último Royal Wedding não desapontou. Há algum tempo que não me ria tanto a ler. Meg Cabot pode não ser a próxima condecorada com o Nobel da Literatura, mas as suas referências à cultura pop norte-americana, as observações que tece sobre as personagens e a interacção que as faz estabelecer entre si são insubstituíveis. Adoro-a como criadora de ambientes e de personagens-tipo! Este livro entusiasmou-me verdadeiramente e só parei de o ler praticamente quando não havia mais história, quando cheguei ao fim. E ainda fiquei com vontade de mais!
Neste registo mais adulto, repleto de referências sexuais e assuntos mais maduros, Meg Cabot não deixou de apimentar os preparativos para o Royal Wedding, tal como já havia feito com os bailes de finalistas, com os grandes marcos para a princesa Mia enquanto futura governante de Genóvia, com os namoros da escola secundária, com o início, o fim e o regresso de Michael... Foi delicioso, ao fim de tantos anos e livros, assistir literariamente ao derradeiro passo do meu casal preferido dos livros. É tão fácil querermo-nos reflectir neste amor que já conta com 11 ou 12 anos e que sobreviveu a tanto. Neste caso, a ficção torna-se tão próxima e tão longínqua da realidade, que nem sei como descrever a relação Mia-Michael, que revela tanta amizade e tanta paixão, mas que está presa às páginas dos livros!

Obviamente, adorei os "percalços" de Royal Wedding, mas não os vou contar aqui, por perigo de revelar as grandes surpresas a quem ainda não lhe pegou!

Como se pode verificar, continuo a vibrar com as aventuras da princesa de Genóvia!

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Imagem de perfil

De lostdreams a 10.07.2015 às 11:18

Ai já não me lembrava desses livros, agora deste-me saudades deles! Eu já não sei quantos li, mas sei que ainda li alguns. E tenho o primeiro livro e a minha irmã o segundo, e depois sei que li mais alguns que trazia da biblioteca. Mas entretanto não li mais. E oh meu deus, tem tantos livros já. Se calhar ainda vou acabar por os ler, adorava-os tanto!
Imagem de perfil

De BeatrizCM a 24.07.2015 às 22:48

Bate aquele amor pelo amor Mia-Michael e suas peripécias... imperdíveis! E lêem-se com qualquer idade :)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Em parceria com...

parceria_chiadoeditora


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D