Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Três livros

por BeatrizCM, em 20.07.14

 

É engraçado perguntarem isto, quando estou a uma semana de viajar realmente para uma ilha para onde só posso levar dois ou três livros. Inglaterra não é propriamente uma ilha deserta e exactamente por isso é que tenho um número limitado de distracções várias para levar: terei muito que ver e pouco tempo para tanto, além de que passarei por uma ou outra livraria (e os livros são muito mais baratos em terras de Sua Majestade!). Anyways, estes são os livros que levarei para a minha estadia de duas semanas em Newcastle (com fim-de-semana em Alnwick e Edimburgo).

 

  1. Le Vieux Qui Ne Voulait Pas Fêter Son Anniversaire - Jonas Jonasson (por causa do trabalho, nunca mais consigo acabar de o ler)
  2. Os Portugueses - Barry Hatton (outro que tem sido renegado depois de cem páginas, mas que não pode faltar em Inglaterra, por mais que não seja para me lembrar de onde venho);
  3. Vivir para contarla - García Marquéz (ainda não lhe peguei e parece que este talvez tenha de ficar em terra)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Shelfie de (apenas) 137 livros

por BeatrizCM, em 19.04.14

Afinal, não preciso da Billy de 80x28x106cm. Na noite anterior a ir comprá-la, andei a arrumar a minha Billy de 80x28x202cm e coube lá tudo, assim muito bem espremidinho (aka Tetris livresco) e submetido a minuciosa avaliação (emprestado para devolver, para vender, para dar). Porém, como devem imaginar, esta será uma situação temporária, ou não seja eu uma compradora compulsiva de livros.

 

A minha Billy de 80x28x202cm divide-se entre as 3 prateleiras com os livros de que mais gosto, 2 prateleiras com tralhas diversas, CDs e a minha colecção de canecas, e uma outra prateleira com dicionários e gramáticas (sou mesmo uma miúda das letras!). As últimas três estão protegidas por portas e não são mostradas na shelfie.

 

 

Quanto às três prateleiras que interessam, pode-se dizer que são as que albergam os meus livros favoritos, mesmo aqueles que já não leio e que, por alguma razão pseudo-emocional, foram deixados ficar. Contei 137 livros, fora os do lado esquerdo da prateleira de baixo, que não me pertencem ou que deixarão de pertencer em breve.

Por último: não, não é impressão vossa. As prateleiras encontram-se realmente vergadas pelo peso.

 

***

 

ADENDA: ainda existe mais uma estante cheia de livros meus que já gostei de ler, ou que não têm estatuto suficiente para vir para o meu quarto, ou que são de capa dura e banda desenhada e não cabiam aqui. Esses encontram-se na biblioteca familiar, onde coexistem outros milhares de livros, sem exagero. Vá lá. Somos quatro amantes das letras cá em casa e temos uma divisão especialmente destinada aos livros. Não, não é um escritório - é uma BIBLIOTECA.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Uma reflexão sobre as "shelfies" do Sapo

por BeatrizCM, em 17.04.14

Ainda não apresentando a minha shelfie pessoal, tenho andado de olho nas shelfies dos outros, aqui. E tenho ficado sempre muito desapontada. Serei a única a precisar de quase dez prateleiras, que já curvam com o peso? Serei a única a ter de ir comprar uma estante nova, porque as duas que tenho já não me chegam? Vejo as vossas estantes tão vazias, ou sendo em tão reduzido número, que não consigo evitar questionar-me. Ainda só vi uma, salvo erro, que se safa dentro da categoria de Casa Com Estantes a Abarrotar de Livros, e mesmo assim estavam todos um bocado mal organizados e desleixados. Fora essa, as restantes mais parecem a quantidade de livros que adquiro num só ano, e não numa vida inteira.

Em princípio, amanhã já conseguirei mostrar-vos a minha própria shelfie (porque hoje é dia de ir ao IKEA buscar a nova Billy), para que confirmem vocês mesmos por que razão me coloco estas perguntas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

O meu (delicioso) Bolo Literário

por BeatrizCM, em 29.03.14

1) Farinha - Um livro que demoraste a começar mas depois apanhaste-lhe o passo conforme foste lendo.

"The English", de Jeremy Paxman. A minha versão ebook tinha quase 800 páginas e, como tinha de o ler para uma apresentação e um teste de Inglês sem data marcada, fui adiando. Contudo, acabei por ler as últimas 300 páginas de rajada.

 

2) Margarina - Um livro que teve um grande desenvolvimento.

"O Suplente", de Rui Zink. É de ler e chorar a rir por mais! E não é daquelas histórias cujo final já antevemos na página 20, não senhor. Acho que não há mesmo maneira de adivinharmos nada de nada num enredo tão rico e hilariante quanto este!

 

3) Ovos - Um livro que achaste que ia ser mau mas acabou por ser agradável.

"O Velho que Lia Romances de Amor", de Luís Sepúlveda. Não costumo ler autores da América Latina, pois ainda não me consigo identificar com o estilo de escrita, enredos e cenários, mas adorei este livro - pequenino, mas bom!

 

4) Açúcar - Um livro doce.

"Abraço", de José Luís Peixoto. É, sem dúvida, um dos meus livros favoritos. As crónicas que o compõem dão-nos realmente a sensação de que o autor partilha connosco um pedaço da sua alma.

 

5) Cobertura - Um livro que abrangeu todos os elementos que gostas num livro (momentos cómicos, acção, momentos tristes, etc...)

"Alma", de Manuel Alegre. Aconselho quem o quer ler a não o fazer depressa. Há que desfrutar!

 

6) Granulado - Uma série em que pegas sempre que precisas de te animar.

Minha querida saga Harry Potter, linda de sua fã.

 

7) Cereja no Topo - O teu livro favorito do ano (até agora).

"Imagine", de Jonah Lehrer. Também ainda não li muitos livros que não tivessem que ver com a faculdade, mas este valeu muito a pena.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Eu tenho três amores

por BeatrizCM, em 23.01.14

 

Estou a tentar diminuir a minha dependência. Ler vários livros ao mesmo tempo acaba por me baralhar e, no final de contas, nem sequer disfruto devidamente das leituras feitas em simultâneo. Deste modo, por agora são "só" três: uma fanfic, um livro de divulgação científica e um romance. Para começar, este humilde montinho de mesa de cabeceira parece-me sensato!

 

1. Harry Potter and The Methods Of Rationality (o meu primeiro ebook de sempre) - Eliezer Yudkowsky/Less Wrong

 

Já tinha tentado ler um livro do Haruki Murakami no telemóvel, mas as letras eram demasiado pequenas e acabei por desistir. Agora que tenho A Tablete, senti-me mais cativada e comecei a ler Harry Potter and The Methods Of Rationality, uma loooooooonga fanfic em constante crescimento (já vai em mais de 1600 páginas) que aborda a vida de Harry Potter como se a sua tia Petunia tivesse casado com um eminente cientista e não com o ranhoso do Vernon Dursley, e os dois o tivessem adoptado desde sempre como seu filho depois da morte de Lily e James. Pela altura do seu ingresso em Hogwarts, encontramos um Harry bastante diferente daquele a que estamos habituados: criança prodígio, céptico, confiante, sarcástico e um tanto calculista. Ainda estou para perceber se simpatizo com esta nova versão do meu herói literário favorito. De qualquer maneira, é um livro muito divertido, abordando ao mesmo tempo algumas questões científicas.

 

2. Imagine - de onde vem a criatividade - Jonah Lehrer

Interesso-me muito pela área da Psicologia. Por isso, tento encontrar livros que satisfaçam a minha curiosidade. Este tem funcionado bem e não me tem desapontado. Já cheguei a falar dele. Foi a Carolina quem mo emprestou e eu sabia que podia confiar no seu bom gosto.

 

 

3. Fúria - Salman Rushdie

Ainda não estou certa sobre o que penso deste livro. Está inegavelmente bem escrito, ou não fosse Salman Rushdie o seu autor. No entanto, a narrativa é confusa, os pensamentos do protagonista são caóticos e todo este turbilhão não me têm seduzido. Aguardem notícias...

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Em parceria com...

parceria_chiadoeditora


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D