Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Últimas leituras - "O Filho de Mil Homens"

por BeatrizCM, em 17.07.15

Alguns dias depois de terminar a leitura deste livro que vos apresento já de seguida, surgiu-me este pensamento: que melhor história do que esta, para nos levar a concluir que, inevitavelmente, todos nós somos constituídos pelos outros também? Que todos temos um bocadinho... de todos?

Estou a falar d'O Filho de Mil Homens, de Valter Hugo Mãe. Que bela surpresa, que enredo magnífico, que contador de histórias maravilhoso!

 

Sem mais a acrescentar, esta foi a minha opinião sobre O Filho de Mil Homens, deixada no Goodreads:

Foi o primeiro livro que li de Valter Hugo Mãe.
Não estava à espera de uma história com tanto significado, que em tanto se assemelha à sociedade portuguesa actual. A homossexualidade, a adopção, o adiamento de ter filhos, a efemeridade das relações - todos estes são temas que o autor vai abordando, permitindo ao leitor uma oportunidade de reflexão. Afinal, reflectimos melhor quando existe um certo distanciamento pessoal e social acerca dos assuntos.
As personagens não me pareceram escolhidas ao acaso. Talvez o enredo tenha sido tecido sem um rumo pré-definido, mas todas as peças encaixaram no final, todas as peças que compõem o emaranhado de histórias que Valter Hugo Mãe escreveu.
O cenário sem tempo e sem sítio, apenas com alguma descrição física (uma vila, alguns montes e uma praia) e dos seus habitantes, é uma das características de O Filho de Mil Homens que foi conseguida de melhor forma.

Em geral, curiosamente, achei a escrita de Valter Hugo Mãe muito semelhante à de José Luís Peixoto - até as personagens e o espaço criados me pareceram semelhantes.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D